12/04/2017

#CNSE: Cristã namorando com Muçulmanos (Árabes, Turcos, Indianos, Argelinos, e etc)



De alguns anos para cá tem surgido um fenômeno que é o relacionamento de brasileiras com homens estrangeiros, principalmente de países onde a religião islâmica predomina, em geral muitas tem sido "encontrada" por Príncipes Ali babá que prometem um verdadeiro contos de fadas, que beleza! 
A brasileira deveria ser considerada uma das mulheres mais carentes do mundo (minha opinião), porque o que eu li de brasileira envolvida com tudo quanto é tipo de homem daria milhões de posts, livros, jornais e etc. São tantas que não consigo contabilizar. Para minha surpresa tem mulheres cristãs nesses tipos de relacionamentos. Deixe eu explicar melhor. Sabemos que na religião muçulmana a mulher deve andar de burca, coberta dos pés até a cabeça, não pode fazer nada sem o seu esposo e somente com a autorização do mesmo, os casamentos são arranjados e existe até dote, o homem pode ter até quatro esposas (sendo ou não-sendo muçulmanas) e a mulher não pode casar-se com mais de um homem e nem com um não-muçulmano. O livro deles é o Alcorão, e o Profeta é o Maomé, eles acreditam mais no velho testamento, para eles Jesus ainda não veio ao mundo, dentro do islã tem duas vertentes que são os sunitas e xiitas.  Como eu estava falando, esses homens que vivem em Países conservador ao extremo veem na internet uma forma de conseguir mulheres para sexo, conseguir visto para migrar para outro País, como a brasileira esta com a má fama em todo o mundo, o Brasil é visto como um País onde se tem carnaval, futebol e mulher fácil para sexo, a demanda desses homens atrás de brasileiras tem crescido muito. Eles em sua maioria criam uma conta fake onde passam a mandar mensagens para brasileiras pedindo amizade, falando palavras bonitas, pedindo em casamento com algumas horas de conversa, esses são os mais moderados, logo após algumas conversas já pede para adicionar em facebook, whatsapp, e fazer chamadas de vídeo através de skype, a brasileira encantada pensando que encontrou o amor de sua vida, passa a contar sobre sua vida, até ele começar a pedir fotos nuas, especular sobre sua vida sexual, algumas caem na real nesse momento, porém tem as que insistem em continuar, e é onde quebra a cara. O que eles pensam? Eles pensam que a mulher ocidental é prostituta, eles pensam que com romantismo e algumas atitudes cavalheirescas eles conseguem chegar ao seu objetivo que é sexo virtual e real com uma ocidental brasileira. 
Eles criam um perfil fake só para ter contato com brasileiras, adicionam algumas pessoas aleatórias para parecerem confiáveis, tem aqueles que já bloqueiam os amigos para ninguém vê. Tem uns que colocam fotos de artistas de seu País que a mulher não conhece, desconfie de fotos profissionais e homem muito bonito. Alguns mentem que não são muçulmanos, se dizendo ateu, deísta, e assim por diante, sendo que filho de muçulmano é automaticamente muçulmano, não tem como fugir porque eles matam os próprios filhos alegando apostasia, então se você é cristã e pensa que vai viver sua fé livremente ao se casar com um muçulmano, veja bem porque terá que se converter ao islã e mudar completamente até mesmo suas ideologias cristãs terão que mudar achando você isso certo ou errado. "Ah mais ele não vai me obrigar a se converter ao islã", para te conquistar ele falará tudo o que você quiser ouvir, mais os impedimentos que sua não-conversão a religião dele farão você ter que se converter. O homem pode até ter casos extra-conjugais que não é punido enquanto a mulher sim. Esses que conhecem ficam na internet em sua maioria não querem casar com a brasileira e sim apenas usá-la pois não pode fazer isso em seu País com as mulheres de lá. 
Você pode descobrir fácil se esta sendo enganada por um estrangeiro, primeiro que muçulmanos não namoram e muito menos andam paquerando dessa forma, em seus Países eles nem podem conversar com mulheres, não existe também amizade de mulher com homem não País deles. O homem é tido como protetor, tem homens que pedem dinheiro para brasileiras que estão "namorando" virtualmente, mentem, inventam, criam uma história bem elaborada, coloca até outras pessoas para ajudarem na mentira para conseguir o seu objetivo. Tem deles que procuram principalmente mulheres mais velhas, porque tem uma estabilidade financeira e estão carentes devido a relacionamentos frustrados com brasileiros estando assim bem suscetíveis a cair no golpe. Principalmente homens de Países pobres que veem nesse tipo de relacionamento uma oportunidade para migrar para o Brasil. Tem deles que a brasileira nem é o estereotipo de mulher que eles gostam, porém, ao conquistar uma eles falam mil e um coisas, são em sua maioria românticos, ciumentos e passam a imagem de que são protetores com a mulher, então muitas cientes de que estão sendo super valorizadas acreditam em todas as mentiras que lhes contam, enviam fotos nuas, falam sobre seus bens,  e tudo mais com uma pessoa que não conhecem pessoalmente.  Esquece isso de "Como é diferente", ele me disse que é "diferente dos outros", coloque seus pés no chão e abra bem os seus olhos, tem pessoas que usam a internet até mesmo para tráfico humano, e para conseguir mulheres para se prostituir em outros Países. Desconfie sempre!
Um dica: sempre pesquisem tudo sobre essa pessoa que você conheceu na internet, releia as mensagens em busca de contradição detectando assim possíveis mentiras, leia sobre a cultura e os costumes daquele País. 

O Ministério das Relações Exteriores vem recebendo numerosas queixas de cidadãs brasileiras vítimas de roubos, fraudes e violência cometidos por cônjuges estrangeiros que conheceram pela internet e com os quais tiveram pouco ou nenhum convívio presencial antes do casamento. De acordo com os relatos recebidos, que incluem denúncias de cárcere privado, é frequente, nesses casos, que os maridos estrangeiros mudem completamente de comportamento, logo após a formalização do matrimônio, tornando-se agressivos e manipuladores ou interrompendo repentinamente o contato com as vítimas, após obterem visto de permanência no Brasil.
Nessas condições, recomenda-se às brasileiras e aos brasileiros especial cuidado com os relacionamentos virtuais mantidos com estrangeiros com o propósito de celebrar casamento, a fim de protegerem-se contra golpes e situações de risco. Sugere-se, entre outras precauções, buscar obter referências do cidadão estrangeiro por parte de terceiras pessoas de conhecimento comum, além de evitar manter o contato restrito aos meios de comunicação à distância, previamente ao matrimônio. (Itamaraty)
Com tudo isso você pode alegar que fulana conheceu não sei quem pela internet e se casou e estão juntos até hoje, sim isso acontece, é tipo 1 de 1000 casos, lembrando que estou falando da regra e não da exceção. Os perigos da internet ainda são os mesmos, devemos nos precaver. Casos que dão certo são verdadeiras exceções e não se encaixam nessas características citadas acima, se o seu caso se encaixou você faz parte da regra. É possível conhecer gente decente pela internet e que tem caráter, com cautela e cuidado você identifica o perfil da pessoa, OK.

Me envie um e-mail para conselheiragospel@gmail.com contando sua história, se quiser que publique aqui. Ou deixe nos comentários sua opinião sobre este assunto, eu gosto de aprender com outras pessoas também. 


2 comentários:

  1. Será que todo mundo é igual, será que todas brasileiras são prostitutas?Pois é assim que somos vistas fora do Brasil. Eu não, você talvez não seja. Então achei seu post muito radical e cheio de preconceitos.

    ResponderExcluir
  2. verdade nada positivo deve ser um homem que fez este post kkk conheço muitas mulheres casada com Arebe no Brasil isso e velho desde 1945 já existia estrangeiro. no brasss

    ResponderExcluir

12/04/2017

#CNSE: Cristã namorando com Muçulmanos (Árabes, Turcos, Indianos, Argelinos, e etc)



De alguns anos para cá tem surgido um fenômeno que é o relacionamento de brasileiras com homens estrangeiros, principalmente de países onde a religião islâmica predomina, em geral muitas tem sido "encontrada" por Príncipes Ali babá que prometem um verdadeiro contos de fadas, que beleza! 
A brasileira deveria ser considerada uma das mulheres mais carentes do mundo (minha opinião), porque o que eu li de brasileira envolvida com tudo quanto é tipo de homem daria milhões de posts, livros, jornais e etc. São tantas que não consigo contabilizar. Para minha surpresa tem mulheres cristãs nesses tipos de relacionamentos. Deixe eu explicar melhor. Sabemos que na religião muçulmana a mulher deve andar de burca, coberta dos pés até a cabeça, não pode fazer nada sem o seu esposo e somente com a autorização do mesmo, os casamentos são arranjados e existe até dote, o homem pode ter até quatro esposas (sendo ou não-sendo muçulmanas) e a mulher não pode casar-se com mais de um homem e nem com um não-muçulmano. O livro deles é o Alcorão, e o Profeta é o Maomé, eles acreditam mais no velho testamento, para eles Jesus ainda não veio ao mundo, dentro do islã tem duas vertentes que são os sunitas e xiitas.  Como eu estava falando, esses homens que vivem em Países conservador ao extremo veem na internet uma forma de conseguir mulheres para sexo, conseguir visto para migrar para outro País, como a brasileira esta com a má fama em todo o mundo, o Brasil é visto como um País onde se tem carnaval, futebol e mulher fácil para sexo, a demanda desses homens atrás de brasileiras tem crescido muito. Eles em sua maioria criam uma conta fake onde passam a mandar mensagens para brasileiras pedindo amizade, falando palavras bonitas, pedindo em casamento com algumas horas de conversa, esses são os mais moderados, logo após algumas conversas já pede para adicionar em facebook, whatsapp, e fazer chamadas de vídeo através de skype, a brasileira encantada pensando que encontrou o amor de sua vida, passa a contar sobre sua vida, até ele começar a pedir fotos nuas, especular sobre sua vida sexual, algumas caem na real nesse momento, porém tem as que insistem em continuar, e é onde quebra a cara. O que eles pensam? Eles pensam que a mulher ocidental é prostituta, eles pensam que com romantismo e algumas atitudes cavalheirescas eles conseguem chegar ao seu objetivo que é sexo virtual e real com uma ocidental brasileira. 
Eles criam um perfil fake só para ter contato com brasileiras, adicionam algumas pessoas aleatórias para parecerem confiáveis, tem aqueles que já bloqueiam os amigos para ninguém vê. Tem uns que colocam fotos de artistas de seu País que a mulher não conhece, desconfie de fotos profissionais e homem muito bonito. Alguns mentem que não são muçulmanos, se dizendo ateu, deísta, e assim por diante, sendo que filho de muçulmano é automaticamente muçulmano, não tem como fugir porque eles matam os próprios filhos alegando apostasia, então se você é cristã e pensa que vai viver sua fé livremente ao se casar com um muçulmano, veja bem porque terá que se converter ao islã e mudar completamente até mesmo suas ideologias cristãs terão que mudar achando você isso certo ou errado. "Ah mais ele não vai me obrigar a se converter ao islã", para te conquistar ele falará tudo o que você quiser ouvir, mais os impedimentos que sua não-conversão a religião dele farão você ter que se converter. O homem pode até ter casos extra-conjugais que não é punido enquanto a mulher sim. Esses que conhecem ficam na internet em sua maioria não querem casar com a brasileira e sim apenas usá-la pois não pode fazer isso em seu País com as mulheres de lá. 
Você pode descobrir fácil se esta sendo enganada por um estrangeiro, primeiro que muçulmanos não namoram e muito menos andam paquerando dessa forma, em seus Países eles nem podem conversar com mulheres, não existe também amizade de mulher com homem não País deles. O homem é tido como protetor, tem homens que pedem dinheiro para brasileiras que estão "namorando" virtualmente, mentem, inventam, criam uma história bem elaborada, coloca até outras pessoas para ajudarem na mentira para conseguir o seu objetivo. Tem deles que procuram principalmente mulheres mais velhas, porque tem uma estabilidade financeira e estão carentes devido a relacionamentos frustrados com brasileiros estando assim bem suscetíveis a cair no golpe. Principalmente homens de Países pobres que veem nesse tipo de relacionamento uma oportunidade para migrar para o Brasil. Tem deles que a brasileira nem é o estereotipo de mulher que eles gostam, porém, ao conquistar uma eles falam mil e um coisas, são em sua maioria românticos, ciumentos e passam a imagem de que são protetores com a mulher, então muitas cientes de que estão sendo super valorizadas acreditam em todas as mentiras que lhes contam, enviam fotos nuas, falam sobre seus bens,  e tudo mais com uma pessoa que não conhecem pessoalmente.  Esquece isso de "Como é diferente", ele me disse que é "diferente dos outros", coloque seus pés no chão e abra bem os seus olhos, tem pessoas que usam a internet até mesmo para tráfico humano, e para conseguir mulheres para se prostituir em outros Países. Desconfie sempre!
Um dica: sempre pesquisem tudo sobre essa pessoa que você conheceu na internet, releia as mensagens em busca de contradição detectando assim possíveis mentiras, leia sobre a cultura e os costumes daquele País. 

O Ministério das Relações Exteriores vem recebendo numerosas queixas de cidadãs brasileiras vítimas de roubos, fraudes e violência cometidos por cônjuges estrangeiros que conheceram pela internet e com os quais tiveram pouco ou nenhum convívio presencial antes do casamento. De acordo com os relatos recebidos, que incluem denúncias de cárcere privado, é frequente, nesses casos, que os maridos estrangeiros mudem completamente de comportamento, logo após a formalização do matrimônio, tornando-se agressivos e manipuladores ou interrompendo repentinamente o contato com as vítimas, após obterem visto de permanência no Brasil.
Nessas condições, recomenda-se às brasileiras e aos brasileiros especial cuidado com os relacionamentos virtuais mantidos com estrangeiros com o propósito de celebrar casamento, a fim de protegerem-se contra golpes e situações de risco. Sugere-se, entre outras precauções, buscar obter referências do cidadão estrangeiro por parte de terceiras pessoas de conhecimento comum, além de evitar manter o contato restrito aos meios de comunicação à distância, previamente ao matrimônio. (Itamaraty)
Com tudo isso você pode alegar que fulana conheceu não sei quem pela internet e se casou e estão juntos até hoje, sim isso acontece, é tipo 1 de 1000 casos, lembrando que estou falando da regra e não da exceção. Os perigos da internet ainda são os mesmos, devemos nos precaver. Casos que dão certo são verdadeiras exceções e não se encaixam nessas características citadas acima, se o seu caso se encaixou você faz parte da regra. É possível conhecer gente decente pela internet e que tem caráter, com cautela e cuidado você identifica o perfil da pessoa, OK.

Me envie um e-mail para conselheiragospel@gmail.com contando sua história, se quiser que publique aqui. Ou deixe nos comentários sua opinião sobre este assunto, eu gosto de aprender com outras pessoas também. 


2 comentários:

  1. Será que todo mundo é igual, será que todas brasileiras são prostitutas?Pois é assim que somos vistas fora do Brasil. Eu não, você talvez não seja. Então achei seu post muito radical e cheio de preconceitos.

    ResponderExcluir
  2. verdade nada positivo deve ser um homem que fez este post kkk conheço muitas mulheres casada com Arebe no Brasil isso e velho desde 1945 já existia estrangeiro. no brasss

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Aviso!

Imagens própria e da Internet. Textos escritos por Edmara Oliveira. Não ao plágio. Não é autorizado qualquer cópia sem seu consentimento. Plágio é crime, Artigo 184 do código penal.

Online

Tecnologia do Blogger.

Like us

Leia Gospel +

Licença

© RM Desing - 2016 | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Renata Massa | Tema Base: Butlariz.
imagem-logo